Fernanda no Congresso Nacional

Blog com comentários sobre a vida inteligente (às vezes nem tanto...) no Congresso Nacional. Menos política, mais comportamento e povo, muito povo!!!!

Name:
Location: Brasília, Distrito Federal, Brazil

Tenho duas filhas que são a razão de tudo de bom que faço na vida! Tenho um All Star Vermelho e um anel igual ao do Riachão. Coca-Cola só se for Light lemon. Uso Diorissimo ou Kenzo. Sou jornalista, professora, patinadora de fim de semana, lutadora de taekwondo (faixa branca ainda...), apaixonada por ioga, U2 e pelas pessoas.

Wednesday, January 04, 2006

Ano novo: o Enforcado e a Imperatriz


Entrei de recesso e andava por aí sem destino quando recebi o comentário do Marcelo!!! Então VOLTEI!!!!!!!!!!! Para o Congresso ainda não. Só lá pelo dia 16. Mas estou em Brasília, vivendo situações singulares junto à Receita Federal... O leão (nada a ver com o Aslam de Nárnia) resolveu me morder em R$ 9 mil! Fui lá parcelar! Mas... seu nome está errado aqui... SIM! Eles ainda tem meu nome como Maria Fernanda Lambach de Caramujo, digo, Araújo.

Alou, mulheres! pensem bem na hora de fazer a besteira de mudar o nome quando casarem e estiverem apaixonadas. A paixão acaba, o amor sofre e... os nervos passam o resto da vida abalados por causa do troca-troca de nomes! Enfim... depois de ficar 1h na fila esperando pela senha e mais uma hora para ser atendida... fui despachada.

Vai ao BB, paga R$ 4,50... volta à Receita 24h depois. Avisa que se chama Maria Fernanda Stresser Lambach... Eles fazem o parcelamento FDP: 60 x 200 e tantos reais. Aí, feliz da vida, vc preenche um DARF, afe, paga a primeira parcela no BB... depois volta sorrindo... com declaração do gerente de que o débito pode ser em conta. Tudo feito!

Resolvi voltar para o taekwondo e para o tae fight! Pelo menos dou uns socos e uns chutes, revejo estratégias de luta e fico mais, ufa!, aliviada!!!!!!!!!!!

Foi assim que começou o ano de 2006.

Ah! Consultei os oráculos também. Claro! Como boa brasileira tenho as minhas superstições. Respira que, pra mim, é o ano do "Enforcado". Ou seja, ano de sacrifícios voluntários em benefícios de boas causas. E no final: a Imperatriz... Ou seja: o sucesso! Daqui a 45 dias minha vida sofrerá uma grande mudança. Isso cai em 18 de fevereiro! Dia 20 o U2 chega aqui! Ai, meu Deus!!!!!!!!!! Que mudança será essa... aguardem!

Tuesday, December 20, 2005

Fúria da Terra e Natal


O Globo fez um caderno sobre a fúria da Terra. Fiquei aqui pensando com meus borbotões no fim do ano passado, redação do Correio Braziliense... fizemos uma triste cobertura da destruição causada pelo tsunami. A sensação de que a vida é passageira, rápida, fugaz. Fotos de indianos orando perto dos corpos daqueles que se foram... o entendimento da morte totalmente diferente de nós ocidentais. Mais tarde, depois das ondas gigantes, veio furacões como o Katrina e o terremoto no Paquistão.

Enfim, ficávamos editando aquelas imagens terríveis e imaginando a proteção que temos no Brasil. Editávamos aquilo tudo como algo distante. Ouvíamos depoimentos como se fosse um filme de terror do qual, graças a Deus, não havíamos participado. Mas ao mesmo tempo sabíamos que era real e que poderíamos ter vivido aquela dor.

Mississipi. Como não cantar as belezas da música daquela região abençoada. Depois da tragédia em New Orleans, difícil entender como os EUA não se preocupam em assinar o protocolo de Kyoto. Hoje, a cidade-fantasma continua às escutas e 75% de seus moradores estão morando em outras regiões. Onde anda a consciência, os cuidados para com o futuro?

Por falar em Mississipi, Bono vem ao Brasil. Assisti ao DVD com o show Vertigo, em Chicago. Nele, no dia de seu aniversário (10 de maio), Bono lembrou a primeira imagem que viu de um americano. Armstrong pisava na Lua. Foi a determinação daquele povo que permitiu o grande avanço. E agora? Por que não ter a determinação de colocar o homem não na Lua, mas na Terra? "Vamos colocar o homem na Terra", provoca Bono. E a provocação é feita enquanto bandeiras de todos os países africanos vão aparecendo no telão.

Bono vem ao Brasil!!!!!! O MST que se prepare!!!!

Thank you, God! Feliz Natal!!!!!!!!!!

PS: Chico Alencar e Gabeira vão entregar cartão gigante ao presidente da Câmara, Aldo Rebelo. Populares do Rio, São Paulo e Brasília assinaram a cartona de 5 metros, avisando que estarão de olho no Congresso em 2006!!!! Nós também!!!

Wednesday, December 14, 2005

Morgando com a separata e observando lagartas

A bichinha (separata) não acaba nunca... são poucas páginas, mas tenho que ter todo o cuidado do mundo! Enquanto isso ouço a TV Câmara... Romeu Queiroz, o deputado que seria julgado hoje pelo plenário teve um problema de coração... Aldo Rebello já dá o braço a torcer e aceita a auto-convocação.

Vou fazer uma foto pra quem passar por aqui ver!!! Tem umas lagartas nas árvores próximas ao Anexo IV da Câmara que podem usar coleira!!!! As pessoas param para elas passarem. São pretas e vermelhas... parecem de plástico... muito, muito nojentas!!! Mas, ao mesmo tempo, lembram o Chucrute do desenho animado Vida de Inseto. A diferença é que Chucrute vira uma linda borboleta e essas bichanas daqui... tsc-tsc! Parece que o contrato com a firma que cuidava dos jardins terminou...

Se uma bicha dessa cai na minha cabeça eu dou um troço! Hahahahahaha

Monday, December 12, 2005

Estrada Real

Mergulhada em documentos históricos. Estamos fazendo uma separata (aquelas publicações que os deputados têm direito na Câmara) sobre projeto de turismo histórico no Planalto Central. Uma das emendas propostas por Maninha propõe R$ 400 mil para o projeto embasado por Paulo Bertran e que será executado por um fórum de ONGs.

Aí em baixo, no outro tópico, o discurso da Luciana Genro, que a Lianna me pediu!

Abraços

Discurso da Luciana Genro no julgamento de Zé Dirceu

Data: 30/11/2005 LUCIANA GENRO, PSol - RS
Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, senhoras e senhores que assistem a nossa sessão, somos contra esse requerimento porque queremos fazer o debate político; queremos dizer por que somos a favor da cassação do Deputado José Dirceu.É uma situação paradoxal. Quando nós — eu, os Deputados Babá e João Fontes e a Senadora Heloísa Helena — fomos expulsos do PT foi porque o partido precisava da nossa expulsão para dar satisfação aos mercados, ao capital financeiro de que tinha feito sua transição e efetivamente passado para o outro lado.Hoje, o mesmo PT que nos expulsou precisa também expulsar o Deputado José Dirceu. Precisa! Talvez isso até tire alguns votos da sua cassação, mas o PT precisa da sua expulsão. E não é à-toa que o Governo não mobilizou sua tropa de choque, não acionou seu mensalão para salvar S.Exa., é porque o Deputado José Dirceu precisa ser cassado para livrar a cara de Lula, o grande chefe do mensalão. (Palmas.) (Apupos.)O Deputado José Dirceu foi sim o operador do mensalão, não tenho nenhuma dúvida disso. Nada que esse Governo fez deixava de passar pelas mãos de S.Exa. Mas também não deixava de passar pelas mãos do Presidente Lula, que deveria ser acionado por crime de responsabilidade. Deveria sim.Também esta Casa necessita da cassação do Deputado José Dirceu para livrar a cara de muitos Deputados que estiveram envolvidos no mensalão e para dar uma satisfação à opinião pública do País. Mas isso não significa que o Deputado José Dirceu não mereça ser cassado. Merece! Merece porque é o responsável pelas tramóias, pelas manobras, pelas atitudes indecorosas cometidas por esse Governo no verdadeiro balcão de negócios que instalou com o Congresso Nacional.Mas confesso a V.Exas. que me sinto um pouco desconfortável por ver o Deputado JoséDirceu junto com José Janene, Jorge Borba, Bispo Rodrigues e tantos outros bandidos e ladrões, na minha opinião. Então, refleti: será que S.Exa. não merece isso? Cheguei à conclusão de que merece, porque foi ele quem escolheu essas companhias, foi ele quem escolheu governar junto com essas gangues que há anos e anos transformam o Estado brasileiro em instrumento dos seus interesses particulares e políticos. (Palmas.) (Muito bem!)Portanto, o Deputado José Dirceu é vítima da própria operação política que fez com o PT. S.Exa. transformou o PT num partido que hoje tem seu principal líder sofrendo processo de cassação por corrupção e o Presidente da República e o Ministro da Fazenda cheios de acusações.O Deputado José Dirceu foi um dos responsáveis pela operação política que transformou o PT no seu contrário. E o PT, que lutou 20 anos para convencer o povo brasileiro de que era diferente dos outros partidos, hoje, para salvar a própria pele, luta para dizer que é apenas igual a todos os outros, e não pior. Essa é a tragédia do PT; essa é a tragédia do Deputado José Dirceu.Ele não agiu, provavelmente, de forma muito diferente do que muitos outros dirigentes do Governo Fernando Henrique Cardoso, traficando influência, fazendo chantagens, oferecendo recursos e liberação de verbas para Parlamentares. Não agiu diferente.A diferença é que o PT dizia que era diferente, mas ficou demonstrado que não é. E um dos responsáveis pela transformação do PT no seu contrário é o Deputado José Dirceu. Mas é também o Presidente Lula.Por isso, digo a V.Exas. que eu estaria bem mais feliz se, em vez de estarmos aqui votando a cassação do Deputado José Dirceu, estivéssemos oferecendo ao povo brasileiro a possibilidade de um plebiscito para que a nação dissesse se esta Casa ainda merece sua confiança — e acho que não — , se esse Governo ainda merece sua confiança, para que dissesse se ainda acredita nas mentiras e nas palavras vazias do Presidente Lula nos seus permanentes discursos de palanque. (Palmas.) Não creio que não mereça mais nenhuma confiança.Como não há essa possibilidade, temos nós que decidir pela cassação do Deputado José Dirceu e de todos os Deputados envolvidos no mensalão. Nós do PSOL vamos continuar lutando para que todos os envolvidos, inclusive os que estão sendo protegidos também por setores da Oposição, a exemplo do Ministro Palocci e do Presidente Lula, também se sentem no banco dos réus.Muito obrigada, Sr. Presidente.

Friday, December 09, 2005

Dia Mundial contra a Corrupção

É HOJE!!!! E A ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DAS NAÇÕES UNIDAS ESCOLHEU O CAIXA 2 COMO O SÍMBOLO DA CORRUPÇÃO EM NOSSO PAÍS.

PRA REVERTER ISSO... SÓ APOSTANDO NO FUTURO, NA EDUCAÇÃO DAS CRIANÇAS, NO ENSINO DA ÉTICA, DO AMOR AO PRÓXIMO, DO RESPEITO AOS SEMELHANTES, À VIDA...

Amigo oculto, inimigo declarado


Chove torrencialmente no Distrito Federal. Na verdade, chove uma garoa fina e sem graça. Tempo de árvores cheias de luzes na Esplanada, décimo terceiro que sai diretamente do banco para pagar dívidas e cheiro de comidas do Natal. Amigos ocultos, inimigos declarados.

Para aumentar o poder de fogo do PT nas votações do Conselho de Ética do ano que vem, querem tirar os psolistas Fantazzini e Chico Alencar. Os dois continuariam com as relatorias, mas não poderiam mais votar em 2006. Absurdo dos absurdos pelo belo trabalho que estão fazendo. Mas, enfim, a história está toda nas mãos do presidente da Casa Aldo Rebello. Corre uma piadinha aqui na Casa: "se derem duas tartaruguinhas para o Aldo tomar conta, uma delas foge... ". Que não fuja nesta sexta-feira cinzenta!

Enquanto isso, Dirceu trabalha à vida política para voltar e o Correio Braziliense publica matéria dizendo que os advogados dele recorrerão ao Supremo. Mais: vão entrar com um projeto para anistiar o ex-ministro da Casa Civil! Será que não sabia do esquema de caixa 2 da campanha do PT? Ai, meu Deus! Será que fui eu que perdi o encanto e já parto do pressuposto que as pessoas são sempre muito mais espertas do que eu imaginava.

Quando cobria Cidades no Correio Braziliense, O Noblat me advertiu: "Fernanda Lambach, você é boa demais pra cobrir política. Até um poodle manco te engana!". Ai, Noblat, será que agora estou achando que todos são pit bulls agressivos e sorrateiros? Enfim, deixemos os pobres animais pra lá e voltemos aos racionais. Dirceu quer voltar. Ele é brasileiro e não desiste nunca.

Vou descer e ver o que acontece na Câmara...

Thursday, December 08, 2005

Estranhas pressões, amargas impressões


As novidades nos corredores da Câmara é que o PT decidiu tirar os deputados, agora psolistas, Chico Alencar (RJ) e Fantazzini (RJ) do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar. O mandato é de dois anos... A justificativa: as vagas no conselho eram do PT e não do PSOL. A cada dia fico mais assustada com as manobras estapafúrdias que vejo serem realizadas nesta Casa. Tomara que alguém coloque freio nisso... mesmo porque os dois têm relatórios já encaminhados!

Tuesday, December 06, 2005

Aborto e gente sem noção!


Não dá pra andar no corredor das comissões porque a claque contra e a favor da legalização do aborto está amontoada. Chamo de sem noção aqueles que estão revestidos por uma capa de fanatismo insuportável. Mandam e-mails desagradáveis para os deputados do tipo: "já pensou se sua mãe tivesse abortado vossa excelência"? Pior. Espalham imagens de pedaços de fetos abortados pelos corredores da Câmara.

Na semana passada, tinha um franciscano (acho que era franciscano por causa da vestimenta) ajoelhado no meio do plenário e rezando o terço. Isso no meio da multidão que entupia o plenário enquanto a sessão era realizada.

Fizeram uma tabela de cartolina com os nomes dos deputados que votarão para, óbvio, execrar aqueles que, na cabeça dos fanáticos, são a favor da morte de criancinhas. Não é nada disso o que está sendo discutido. Uma mãe que está decidida a abortar vai abortar porque decidiu e ponto final. Claro que vale a pena tentar dissuadi-la, ajudá-la... mas também continuar ao lado dela até o fim da gestação e durante boa parte da criação do filho para dar amparo, tirar dúvidas, ajudar financeiramente e resolver as questões psicológicas.

É muito fácil dizer o que o outro deve fazer. É o que diz uma colega de trabalho ao ver a defesa desesperada de quem pensa que evitando a legalização da prática do aborto estará incentivando que mais abortos sejam feitos. Na verdade, já dizia Marta Suplicy há 20 anos (quanto tempo!), nos países em que o aborto foi legalizado não houve aumento do número de procedimentos realizados para tirar os embriões ou fetos, o que mudou foi o cuidado com a saúde da mulher. Melhor: o controle pôde ser feito por causa das notificações oficiais.

Quem nunca ouviu falar ou viu uma amiga quase definhar por causa das péssimas condições da clínica clandestina que escolheu para acabar com o sofrimento? Quem nunca ouviu falar das jovens mães que na hora que são chamadas para passar pelo procedimento saem correndo pela porta e nunca mais aparecem?

Ensinar a amar os inocentes não é evitar que uma lei seja votada. Ensinar a amar inocentes começa na tolerância para com o pensamento e a opinião dos outros. Começa no entendimento da questão da mulher. Ela jamais quer ser uma assassina. Pode, sim, estar passando por uma situação psicológica devastadora, ou por sérios problemas de rejeição... Ensinar a amar é amparar e entender a mulher. Educá-la desde pequena para entender a responsabilidade da maternidade. São passos importantes. A intolerância e a apelação perde, em qualquer circustância, para o amor.

Certa vez conversei com o obstetra Pedro Pablo Chacel, responsável pelo nascimento de mais de 10 mil crianças em Brasília. Absolutamente a favor da vida, ele diz que talvez este seja um de seus preconceitos. Já foi várias vezes procurado por mães que queriam fazer aborto. Eu perguntei: e o senhor as convenceu a não fazer? A resposta: "Convenci aquelas que queriam ser convencidas".

Eu jamais faria aborto. Já tive um esponrâneo e quase morri de tristeza. Foi difícil entender por que aquela pequena bolinha estava indo embora... Pra mim, já era um ser humano com um futuro lindo pela frente. Agora, entende que as discussões não podem ser recheadas pelo fanatismo ou por pressões como a da tabela que está agora lá embaixo com o nome dos deputados. Isso é chantagem.

A consciência só é despertada pela razão.